280 mil pessoas serão imunizadas com 1º lote de vacinas recebido por MG

280 mil pessoas serão imunizadas com 1º lote de vacinas recebido por MG

Confira quem poderá receber as vacinas contra a Covid-19 nesta primeira fase

O primeiro lote de vacinas contra Covid-19 recebido por Minas Gerais na segunda-feira, 18, conta com 577.480 mil doses dos imunizantes produzidos pelo Instituto Butantan. Esta quantidade permitirá imunizar cerca de 280 mil pessoas, já que são duas doses por pessoa. Há expectativa de novas remessas nas próximas semanas.

A partir da chegada das vacinas, o Estado deu início à maior operação de distribuição de imunizantes da história de Minas. A estratégia para que todas as 28 Superintendências Regionais de Saúde recebam o imunizante contempla 13 rotas de aeronaves (cinco aviões e três helicópteros) e duas rotas terrestres (Belo Horizonte, Divinópolis e Sete Lagoas).

Ao todo, estão sendo transportadas 383.102 mil doses a partir desta terça-feira, 19. Para que a vacina chegue no menor prazo possível a cada uma das regionais, as Forças de Segurança (Corpo de Bombeiros Militar de Minas GeraisPolicia Militar de Minas GeraisPolícia Civil de Minas Gerais e Defesa Civil) auxiliarão os trabalhos, com uso das aeronaves do Estado para garantir celeridade máxima.

A expectativa é a de que todas as regionais já tenham recebido o imunizante depois de 24 horas, contadas a partir da chegada dos lotes ao estado. A projeção pode ser alterada conforme as condições climáticas.

Vale lembrar que, após a chegada das vacinas nas unidades regionais, caberá aos 853 municípios mineiros buscar as doses.

Veja quem serão os primeiros a serem vacinados

Seguindo o Plano Nacional de Imunização (PNI), integram o primeiro grupo prioritário profissionais de saúde que atuam diretamente no combate ao coronavírus, idosos residentes em asilos e indígenas residentes em aldeias. A expectativa é a de que todo o grupo prioritário seja vacinado até o meio deste ano, o que significará uma redução elevada nos casos graves por conta do coronavírus.

Os públicos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde para vacinação nesta primeira fase são:

– Trabalhadores da Saúde:
1º Trabalhadores da Saúde – Equipe de vacinação
2º Trabalhadores da Saúde – Equipe de Instituições de Longa Permanência
3º Trabalhadores da Saúde – envolvidos diretamente na atenção/referência para os casos suspeitos e confirmados de covid-19

– Pessoas idosas residentes em instituições de longa permanência
– Pessoas a partir de 18 anos de idade com deficiência, residentes em Residências Inclusivas
– População indígena vivendo em terras indígenas

Redação Conexão Sul de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *